Contato: (88) 3511 5357 - Email: blendseguros@blendseg.com.br

Terça, 20 Outubro 2015 13:20

Já pensou em um seguro para sua empresa? Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Se você tem um negócio próprio, sente na pele os riscos de conduzir uma atividade empresarial. Esse risco não diz respeito apenas à aquisição direta de lucros nas batalhas contra a concorrência no mercado competitivo, mas também a eventos futuros e incertos.

Como dono de uma empresa, você deve conhecer a possibilidade de acontecer certo número de sinistros e calamidades, como incêndios, roubos, queda de raios, desmoronamentos, entre outros, em seu estabelecimento. Já pensou nisso? É exatamente aí que o empresário pode contar com um reforço importante: a contratação de um seguro empresarial. Mas será que a medida vale a pena? Saiba que um seguro pode trazer proteção e tranquilidade para você, independentemente do tamanho de sua empresa e do ramo em que atua. Seu patrimônio ficará resguardado e, caso aconteça algum imprevisto, seus negócios não serão prejudicados e nem precisarão ter a rotina operacional suspensa por um período indeterminado.

Que tal saber um pouco mais sobre o assunto? Tire algumas dúvidas a seguir.

Um seguro é válido para todos os tipos de empresa?

Se você tem um empreendimento, também possui um risco que afeta diretamente seu local de trabalho. Ao contratar um seguro para sua empresa, você conseguirá manter o foco apenas em seus afazeres e transações, mantendo-se protegido se eventualmente algum sinistro vier a acontecer. Justamente por isso, qualquer empresa pode ter um seguro.

Agora, é claro que cada estabelecimento ou organização demanda um tipo de cobertura, de serviço e de garantia diferentes. Uma cafeteria ou clínica de estética de pequeno porte não terão a mesma apólice, baseada em iguais contratos e preços, em comparação a um escritório comercial instalado em um prédio de sete andares!

O que pode ser coberto no seguro da empresa?

Você, que deseja ficar tranquilo e protegido, poderá escolher a extensão e o tipo de cobertura mais convenientes ao seu empreendimento. É preciso saber que, no Brasil, existem alguns seguros que são obrigatórios, como o que cobre perdas e danos materiais causados por incêndio. Há também seguros específicos que dependem do ramo empresarial em que a organização atua, como, por exemplo, o seguro para cobrir a responsabilidade civil do construtor de imóveis em zonas urbanas por danos a pessoas ou coisas.

Assim, cada empresa tem à disposição no mercado uma grande quantidade de ofertas de coberturas, a depender das soluções prestadas pela empresa seguradora que vai contratar. O segurado poderá ficar protegido de gastos derivados de panes elétricas, roubos ou furtos qualificados de bens, precipitações atmosféricas diversas, problemas de engenharia, quebra de máquinas, crédito e lucros cessantes, saúde e acidentes pessoais, dentre muitos outros.

É aconselhável fazer seguro de empresas de pequeno porte?

Não importa o porte de sua empresa, há sempre um risco incerto de ocorrer e do qual se deve ficar protegido. Existem vários tipos de seguro que combinarão com seu modelo de negócio. O importante é que você avalie com cuidado e critério o que vai contratar e, no futuro, não seja pego de surpresa, tendo que manter seu estabelecimento fechado, comprometendo o sucesso do trabalho para o qual tanto se dedicou.

O que se deve levar em conta na hora de decidir por segurar a empresa?

Na hora de contratar um seguro, a principal coisa que você precisa avaliar é o impacto que um determinado sinistro causaria ao seu empreendimento. É claro que o porte de sua empresa, os materiais e maquinários nela contidos, a localização do estabelecimento, tudo isso pode influenciar positiva ou negativamente na amplitude da cobertura e nos valores a serem pagos à seguradora.

Em qualquer situação, o corretor de seguros encarregado de seu atendimento vai com certeza ajudá-lo a determinar os tipos de cobertura mais adequados para sua empresa, de acordo com cada risco segurado. Além disso, você será essencial na apuração dessas informações, e poderá excluir alguns riscos do contrato, por achar que não sejam efetivas ameaças para a sua organização.

É caro fazer um seguro da empresa?

Não ser prevenido – e correr riscos excessivos – pode sair muito mais oneroso do que ter um seguro contratado. Com certeza, há um seguro que cabe no seu bolso. Tudo vai depender da quantidade de riscos que você pretende segurar e da empresa a qual pretende contratar.

Além do mais, os preços dos seguros são calculados segundo dois critérios: a probabilidade de reclamação de um sinistro pelo segurado e a possibilidade de se atingir um dano máximo em decorrência daquele sinistro. Desse modo, é certo que a seguradora vai realizar uma análise bastante sensata acerca da situação atual de sua organização, de seu modo de administrá-la e das implicações prováveis em caso de um grande imprevisto financeiro.

Qual é o custo benefício de um seguro?

A grande vantagem de se contratar um seguro é que você minimiza as chances de perdas financeiras repentinas e inesperadas, já que houve a transmissão do risco para a seguradora contratada. Como nunca se sabe o que pode vir a acontecer, seu patrimônio recebe uma proteção contínua contra os danos decorrentes do sinistro coberto pelo seguro, dentro do período de vigência do contrato. E é melhor prevenir do que remediar, porque, neste caso, o reparo pode sair muito mais caro ainda.

Por fim, você pode levar em consideração algo muito importante e que também tem a ver com prevenção: quanto mais seus negócios vão dando certo, mais patrimônio acumulado você vai ter. Desse modo, você poderá reinvestir em seu negócio parte desse valor, mas também poderá economizar outra parte, somando suas reservas pessoais, com aplicações financeiras, ou simplesmente colocando o dinheiro na poupança.

Em curto ou médio prazo, pode ser que suas reservas sejam suficientes para cobrir algum evento danoso que sua empresa venha a sofrer. Isso significa que você poderá cortar algumas modalidades de seguros contratadas, já que o risco será menor e, com isso, também menor a cobertura necessária para segurar.

Portanto, veja o seguro da maneira correta: como uma parceria que você pode aproveitar para fazer com que seu empreendimento dê certo, sem correr riscos desnecessários!

Via: Gestão Empresarial

Lido 23897 vezes Última modificação em Terça, 20 Outubro 2015 13:57

Sobre Nós





Corretora de seguros atuante de maneira diferencial, atendendo seguros de vida, saúde, automóveis, empresarial, transportes, equipamentos e profissionais liberais

Contato

Entre em contato com a gente, agende uma visita.

  Av. Padre Cicero, 2200, Triângulo
  (88) 3511-5357
  blendseguros@blendseg.com.br